Terminal Básico 4 - Ferramentas Nano, Vim, Top, Htop e Ranger

12:17



Transcrição do vídeo: Terminal Básico Vìdeo 04 - Ferramentas
Duração: 02:40



Nem só de comandos vive o terminal você também pode usar alguns utilitários que estão pré-instalados em quase todas as distribuições. Além disso você pode instalar versões mais incrementadas dessas ferramentas.

Neste vídeo vamos falar de editores de texto, ferramentas de monitoramento do sistema e Navegadores de arquivos.

Um dos mais conhecidos e simples editores de textos do mundo linux é o Nano, junto com o Vi, que não é nem de longe simples de usar, vem pré-instalado em praticamente todas as distros. Para usar o Nano basta no terminal digitar nano e dar um Enter, a tela de edição fica disponível de imediato e você tem a lista de atalhos na base do terminal, com todas as operações disponíveis. Onde você encontrar um acento circunflexo leia como a tecla Ctrl, então Ctrl+x sai do Nano, Ctrl+o grava e assim vai.




O Vi assim como o Nano também vem pré-instalado porém seu uso não é simples o Vi foi criado por Bill Joy em 1976 também ano de criação do editor Emacs, já sua versão melhorada o Vim, que precisa ser instalado foi criado em 1991 por Bram Moolenar.

Tanto o Vi quanto o Vim são editores modais, eles trabalham no modo normal, modo de inserção e modo visual. Cada um com suas particularidades e funções.

Apesar de leves e super configuráveis sua curva de aprendizagem é considerável e diferente do Nano necessitam de um pouco de prática para se tornarem usávies. Porém levando em conta a relação custo benefício, investir na aprendizagem do Vim e do Vi vale muito a pena.

Top é uma ferramenta que oferece uma série de estatísticas sobre o sistema ele já vem assim como o Nano e o Vi pré-instalado, uma evolução do Top é o Htop que apresenta uma visão mais sofisticada das estatísticas além de permitir o uso do mouse para selecionar processos.

As duas ferramentas permitem uma visualização do consumo de Ram e de CPU além de informações gerais do sistema, tais como os processos com maior atividade, número de tarefas em execução, tempo de uso e usuários logados.

Gerenciadores de arquivos são muito comuns nas interfaces gráficas tais como o Nautilus no Gnome e o Thunar no Xfce, mas não são uma exclusividade da mundo gráfico e existem ótimos gerenciadores de arquivos em modo texto, entre eles o Ranger. Facilmente encontrado nos repositórios das distribuições. Para usar basta depois de instalar digitar Ranger no terminal, de imediato 3 colunas tendo a esquerda a sua pasta home surgem na tela, você pode navegar usando as setas do teclado ou usuando as teclas de navegação do Vim. Com o Ranger você também pode fazer buscas, visualizar arquivos e abrí-los, entre outras operações.

Essas ferramentas são muito eficientes e simples de usar, dedicar um pouco de tempo ao seu estudo pode torná-lo um usuário melhor e mais capacitado.






Você também pode gostar desses posts

2 comentários

  1. Na visualização de aquivos, o não seria o correto o cat no lugar no nano, pelo motivo de o nano alem de visualizar também pode modificar, sendo que o cat somente visualiza como o vi ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Moises.. .a idéia foi a de mostrar editores de texto .. por isso o Nano... e o Vi também edita arquivos ok? Abraço.

      Excluir

Like us on Facebook